Funcionamento: Segunda a Sexta das 09h00 as 19h00
Ligue 11 5571 8777 | Whatsapp: (11) 98920-4546

ROSÁCEA

ROSÁCEA

Também conhecida como “acne do adulto”, a rosácea causa vermelhidão, pápulas e pústulas na face, mas não existem os comedões ou cravos, como na acne. Geralmente inicia-se com um rubor no centro da face e vai se espalhando para testa, queixo, nariz, podendo aparecer em outros locais como tórax e dorso.
Alguns pacientes desenvolvem somente a vermelhidão, que pode acontecer em momentos de tensão ou vergonha, e outros evoluem para pústulas ou pápulas e também pequenos vasos dilatados que se agravam devido a exposição solar por longos períodos. Espinhas também podem aparecer.

Nos casos mais intensos de rosácea, onde a vermelhidão demora a desaparecer ou permanece é necessário procurar tratamento. Em metade dos casos o paciente possui queimação e ardor também nos olhos. Também nesses casos é imprescindível que se procure um dermatologista.

Uma outra modalidade de rosácea, conhecida como rinofima, é comum, com mais frequência em homens, e se dá através do aumento das glândulas sebáceas que causam nódulos, nariz avermelhado e bochechas salientes.

CAUSAS

As causas da rosácea são desconhecidas, mas acredita-se que uma combinação de heretitariedade e fatores externos e ambientais podem desencadear a doença.

Os fatores externos podem ser: ingestão de alimentos ou bebidas quentes, alimentos picantes, álcool, variação extrema de temperature, exercício físico intense, exposição solar, banho quente, medicamentos que causam dilatação de vasos sanguineos, corticoids, condições emocionais como raiva, estresse ou vergonha.

TRATAMENTO

Com o diagnóstico precoce e o tratamento correto é possível parar o progresso da rosácea e até mesmo revertê-la.

TRATAMENTO TÓPICO

Em casos leves de rosácea, o dermatologista poderá receitar loções, géis e cremes que contenham antibióticos como peróxido de benzoíla, sulfacetamida, metronizadol e retinóides. Com este tratamento o paciente apresenta melhora já nas primeiras semanas.
É importante fazer o tratamento sempre de acordo com a orientação do dermatologista pois cremes a base de corticóide se usados por mais de 2 semanas podem causar afinamento da pele e piora do quadro.

TRATAMENTO ORAL

Os antibióticos podem ser prescritos no tratamento de rosácea e têm resultado mais rápido do que os medicamentos de uso tópico.

OUTROS TRATAMENTOS

Alguns métodos cirúrgicos podem ser recomendados em caso de rosácea que apresentam rinofima. A dermoabrasão remove as camadas superficiais da pele, ajudando a melhorar o aspecto do tecido cicatricial. Outros métodos são utilizados como o laser e a eletrocirurgia.