Funcionamento: Segunda a Sexta das 09h00 as 19h00
Ligue 11 5571 8777 | Whatsapp: (11) 98920-4546

A técnica de fios de sustentação facial para combater a flacidez  evoluiu. Os benefícios alcançados com este procedimento são tentadores para quem luta contra os sinais do envelhecimento. A procura nos consultórios e clínicas aumentou mas inseguranças por parte de muitas mulheres ainda permanecem.

Se você está incomodada com a flacidez do rosto e pescoço mas fica com receio em relação aos fios de sustentação facial, você chegou ao post definitivo. Aqui iremos esclarecer todas as suas questões. Afinal, tudo que está relacionado a saúde é importante fazermos com tranquilidade e confiança de que foi uma boa escolha! Vamos às respostas!

Os fios de sustentação facial são feitos de qual material?

A técnica de fios de sustentação facial que utiliza fios absorvíveis pelo organismo é a mais segura e recomendada. Dentro desta categoria existem dois tipos:

  • Fios Silhouette:

São feitos a base de ácido polilático ou PLA. Como dissemos, é uma substância absorvível. Sua duração é de aproximadamente de um ano e meio até a total absorção.

Este tipo de filamento possui cones minúsculos. Eles são os responsáveis pelo efeito lifting notado logo após a sessão. Uma força contrária a direção desses cones é aplicada para que o efeito de “levantar” o rosto seja imediato. Outra característica é que este material estimula a produção de colágeno. O que provoca efeitos ainda maiores nos meses subsequentes.

– Fios PDO:

Os fios PDO são feitos de polidioxanona. Seu principal efeito é o da estimulação do colágeno. O lifting também ocorre com esta modalidade. No entanto, não é imediato como nos fios silhouette. O lifting ocorre a médio prazo, a medida que o novo colágeno é produzido. Funciona da seguinte maneira: ao estímular a produção de colágeno, o fio contrai as fibras da pele. Como consequência contrai a própria pele também.

Seu efeito tem duração mais curta. Pode durar entre 6 a 8 meses.

Como é feito o procedimento?

O procedimento pode ser feito no consultório ou na clínica do seu dermatologista de confiança pois é minimamente invasivo. Primeiro é feito uma anestesia local. Com isso a dor diminui bastante, tornando-se totalmente suportável. O médico então faz alguns microfuros na região a ser tratada com uma microcânula. Depois, insere cerca de 4 a 8 filamentos, dependendo do grau de flacidez. A inserção dos fios é feita na camada subcutânea onde se localiza a gordura.

Como a microcânula é extremamente fina, os furos se fecham quase que imediatamente, não deixando marcas ou cicatrizes. A sessão dura entre 45 a 60 minutos.

Qual a diferença entre fios de sustentação e cirurgia plástica?

A cirurgia plástica é um procedimento invasivo e necessita ser feita por um cirurgião plástico num centro cirúrgico. Uma anestesia geral é aplicada e a internação do paciente é obrigatória por cerca de 3 dias.

No caso do lifting cirúrgico, a pele é descolada e depois cortada e puxada para cima. Num segundo momento ela é costurada no novo posicionamento.

A recuperação da cirurgia no rosto é lenta e causa algum desconforto pelo menos na primeira semana.

Como são feitos cortes na pele, a cirurgia deixa cicatrizes que são “escondidas” em torno das orelhas e cabelo.

Para quais regiões é indicado os fios de sustentação facial?

  • Arco das sobrancelhas
  • Contornos do rosto
  • Linha da mandíbula
  • Rugas nasolabiais ou “bigode chinês” e rugas de marionete
  • Contornos da boca
  • Pescoço e papada

Existe idade certa para fazer fios de sustentação facial?

Não existe idade certa. A técnica é recomendada para homens e mulheres que já sentem os sinais da perda de colágeno. O corpo começa a diminuir a produção dessa proteína a partir dos 25 anos. Em geral, os primeiros sinais de flacidez aparecem a partir dos 30 anos. Isso depende muito da genética e estilo de vida de cada paciente. É recomendável fazer uma avaliação junto ao seu dermatologista para entender se esse é o tratamento adequado para você.

Eu vou ficar inchada depois do Procedimento?

 Apesar de ser um tratamento minimamente invasivo, pode ocorrer inchaço e vermelhidão. Em geral esses sintomas desaparecem em poucos dias, sendo necessário fazer compressas frias e evitar exposição solar neste periodo. Após a sessão, o paciente já está liberado para as atividades cotidianas. Deve-se somente evitar exercícios físicos muito pesados. Também é indicado dormir de barriga pra cima e com a cabeça levemente levantada.

Os fios podem ser sentidos através do toque?

Esta é uma dúvida bastante frequente. Antigamente, o tipo de material utilizado permitia que os fios fossem sentidos ao tocar o rosto. Não se preocupe, a técnica evoluiu e os fios não são perceptíveis. Além disso o procedimento não é definitivo. Os fios são absorvidos pelo corpo em alguns meses, desaparecendo completamente.

Quais os benefícios? Realmente funciona?

Os efeitos dos fios de sustentação são surpreendentes:

  • redefinição do rosto que readquire os contornos originais
  • recuperação do volume facial
  • redução das rugas.

E se meu corpo rejeitar os fios?

Os fios utilizados hoje em dia são altamente compatíveis com o organismo. As possibilidades de uma rejeição ocorrer são pequenas. Porém, caso ocorra, é possível remover os fios sem danos a sua pele.

Posso fazer outros tratamentos depois de colocar os fios?

Sim. Inclusive é recomendado que se faça outros tratamentos associados para que se obtenha resultados ainda maiores.

Entre os tratamentos que sugerimos fazer juntamente com a colocação dos fios estão os bioestimuladores de colágeno.

O sculptra, por exemplo, é um dos bioestimuladores de colágeno que tem trazido ótimos benefícios. A aplicação do Sculptra é feita através de injeções muito finas em pontos do rosto, pescoço e colo. O estímulo de colágeno já mostra seus efeitos a partir de 45 dias após a aplicação. Ele é feito a partir da mesma substância dos fios de sustentação. Na maioria dos casos é necessário somente uma sessão deste procedimento  para se obter os benefícios desejados. Os resultados são progressivos e duram até 18 meses.

Quer saber mais sobre o Sculptra?

Dá uma olhada neste post: http://clinicadrandreamado.com.br/sculptra-combatendo-a-flacidez-facial.

Outra substância que pode ser usada juntamente com os fios de sustentação é o Ellansé.

O bioestimulador de colágeno Ellansé está revolucionando o tratamento contra flacidez pois possui dupla ação. Num primeiro momento Ellansé age como um preenchedor reduzindo imediatamente rugas e vincos. Depois, num médio prazo, atua estimulando a produção de colágeno.  Seus efeitos podem ser sentidos de 1 a 4 anos. Dependendo da concentração do produto aplicado.

Saiba tudo sobre o bioestimulador Ellansé neste post: http://clinicadrandreamado.com.br/rejuvenescimento-facial-com-ellanse.

Pronto! Levantamos e respondemos as principais dúvidas das pacientes em relação aos fios de sustentação! Esperamos que você esteja mais tranquila e segura! Caso tenha restado alguma questão, agende uma avaliação conosco!